Foto: CNA/reprodução

Eles contribuem para o agronegócio! Mulheres fortes, determinadas e sonhadoras, representadas no #TransformandoVidas, pelas vizinhas Rosecler e Rose Neide. Produtores de Aquidauana (MS) que juntos abriram sua própria agroindústria de derivados de leite. Nessa caminhada conheceram Natália, supervisora ​​de campo da divisão Mato Grosso do Sul do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS).

+ Servidor público investe na produção de conservas após treinamento do Senar-PR

Segundo informações da Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), foi durante o curso de “Fabricação Artesanal de Derivados de Leite” do Senar-MS que o caminho de duas Rosas se cruzou. Vizinhos e produtores de leite, ali começaram uma amizade que evoluiu para uma parceria profissional. Com isso, abriram juntos uma agroindústria de laticínios, não por acaso, chamada R2.

Patrocinadores

Porém, após adquirir o Serviço de Inspeção Municipal (SIM) Rosecler e Rose Neide passou a produzir diversos tipos de queijo, doce de leite e requeijão artesanalmente.. Por serem empresários rurais, são eles que realizam todo o processo, desde a ordenha até a venda dos produtos.

qualidade do leite

mercado de laticínios

Foto: Envato/Embrapa

Além disso, para que a produção de produtos industrializados funcione, o trabalho vindo do campo precisa ser assertivo. Ambos produtores de leite atendidos pela Assessoria Técnica e Gerencial em Gado de Leite, do Senar-MS, perceberam que era preciso se dedicar ao melhoramento genético dos animais.

“Percebemos que é preciso trabalhar no melhoramento genético”

Patrocinadores

“Quando começamos, extraíamos de 15 a 18 litros de leite com os animais que tínhamos. Com a assistência técnica, percebemos que é preciso trabalhar o melhoramento genético. Hoje, temos menos animais e mais produção de leite”, contam os vizinhos.

“Às vezes pensamos que já sabemos e não precisamos de um curso, mas depois percebemos que sempre temos algum conhecimento novo que vai agregar valor. E conseguimos isso com o Senar-MS”, acrescenta Rose Neide.

As Rosas contam com a equipe de campo de Natália, Supervisora ​​de Campo do Senar-MS. “Estou supervisionando desde 2017, antes era técnico de campo. Toda evolução vem de um esforço. Comigo é assim e com as Rosas também”, diz Natália.

E é assim com outras mulheres também. Muito esforço para grandes conquistas. “Para as mulheres, principalmente as do campo, um feliz mês da mulher. Lembre-se, seja livre, seja o que você quiser ser”, finaliza Natália.

Patrocinadores

Canal Rural

Patrocinadores

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here