Adapec: 25 Anos de Dedicação à Defesa Agropecuária do Tocantins

Referência no Controle de Doenças e Pragas

A atuação da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) ao longo dos últimos 25 anos tem sido crucial para o crescimento econômico, desenvolvimento sustentável do agronegócio e aprimoramento da qualidade de vida dos habitantes do Tocantins. Com presença em todos os 139 municípios do estado, cerca de 1.500 servidores e autorização para a realização de um concurso público, a Adapec tornou-se referência no controle de doenças e pragas. Além disso, investimentos na valorização profissional e melhoria no atendimento aos produtores rurais contribuíram para a relevância da agência nos setores animal e vegetal.

Investimentos em Tecnologia e Qualificação

A Adapec tem investido em tecnologia e qualificação de seus servidores para agilizar o atendimento aos produtores rurais e acompanhar a evolução tecnológica no campo. Introduziu o Produtor Online, permitindo que os produtores emitam suas próprias Guias de Trânsito Animal e Permissões de Trânsito Vegetal de qualquer lugar, além de adquirir equipamentos e frota de veículos para oferecer respostas imediatas às demandas de sanidade e inspeção animal e vegetal, a fim de garantir a produção de qualidade.

Destaque na Defesa Agropecuária Animal e Vegetal

A Adapec fortaleceu o sistema com programas sanitários eficazes no controle e prevenção de doenças em bovinos, equinos, ovinos, caprinos, suínos, peixes e aves. Além disso, desempenhou papel vital no controle de pragas nas lavouras de soja, garantindo a segurança na produção e evitando prejuízos aos agricultores. A suspensão da vacinação contra a febre aftosa representa um avanço significativo, exigindo da Adapec um compromisso contínuo na vigilância do rebanho tocantinense.
Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Jornal Do Campo

No último domingo, 10 de dezembro, a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) comemorou 25 anos de sua criação, destacando uma trajetória repleta de progressos e realizações na defesa agropecuária animal e vegetal. A atuação da Adapec tem sido crucial para o crescimento econômico, desenvolvimento sustentável do agronegócio e aprimoramento da qualidade de vida dos habitantes do Tocantins. Ao longo desses 25 anos, a agência tornou-se referência no controle de doenças e pragas, tornando o estado competitivo na produção e comercialização de seus produtos.

Patrocinadores

Com presença em todos os 139 municípios do estado e aproximadamente 1.500 servidores atuando em diversas áreas da defesa animal, vegetal e administrativa, a Adapec recebeu autorização do governador Wanderlei Barbosa para a realização de um concurso público e estuda a viabilidade da construção de uma nova sede administrativa. Além disso, houve investimentos na valorização profissional e melhoria no atendimento aos produtores rurais, com a reforma de 27 unidades de atendimento, graças a um aporte de mais de R$ 3,6 milhões provenientes do Fundo Privado de Defesa Agropecuária (Fundeagro) em 2023.

O trabalho da Adapec abrange mais de 11,2 milhões de bovinos, mais de 1,2 milhão de hectares de soja e 43 agroindústrias cadastradas, responsáveis por uma movimentação financeira anual de R$ 1,3 bilhão. O estado é livre de diversas doenças, como a febre aftosa, e mantém o controle de pragas e outras enfermidades.

Paulo Lima, presidente da Adapec, expressou sua honra ao presidir a agência por 25 anos e reconheceu a importância do órgão para a economia do Tocantins. Ele parabenizou todos os servidores pela dedicação à defesa agropecuária e contribuição para o crescimento econômico do estado.

Francisco Ramos, inspetor de defesa agropecuária que está na Adapec desde sua criação, ressaltou que a agropecuária sempre foi forte no Tocantins, justificando assim a necessidade da criação da agência. Ele destacou o salto significativo dado na defesa agropecuária desde a criação da Adapec, enfatizando os investimentos realizados com segurança para garantir a produção de qualidade.

Patrocinadores

Nos últimos anos, a Adapec tem investido em tecnologia e qualificação de seus servidores para agilizar o atendimento aos produtores rurais e acompanhar a evolução tecnológica no campo. A agência introduziu o Produtor Online, permitindo que os produtores emitam suas próprias Guias de Trânsito Animal e Permissões de Trânsito Vegetal de qualquer lugar. Além disso, investiu na aquisição de equipamentos e frota de veículos para oferecer respostas imediatas às demandas de sanidade e inspeção animal e vegetal.

Márcio Rezende, diretor de defesa, inspeção e sanidade animal, destacou o orgulho da agência em estar habilitada para vender carne para mais de 130 países e ressaltou o papel fundamental das empresas cadastradas na Adapec, que comercializam produtos no Tocantins e no Brasil, recebendo um selo de qualidade atestado pela agência.

Na defesa agropecuária animal, a Adapec fortaleceu o sistema com programas sanitários eficazes no controle e prevenção de doenças em bovinos, equinos, ovinos, caprinos, suínos, peixes e aves. A suspensão da vacinação contra a febre aftosa representa um avanço significativo, exigindo da Adapec um compromisso contínuo na vigilância do rebanho tocantinense.

Na defesa agropecuária vegetal, o Tocantins, destacado produtor de grãos, teve a Adapec desempenhando papel vital no controle de pragas nas lavouras de soja, garantindo a segurança na produção e evitando prejuízos aos agricultores. Além da soja, a agência atua na certificação fitossanitária nos polos de fruticultura, fiscaliza o trânsito de vegetais e o comércio, armazenamento e uso de agrotóxicos, contribuindo para a preservação do patrimônio fitossanitário do Tocantins.

Patrocinadores

FAQ da Adapec – Defesa Agropecuária no Tocantins

1. Qual é o papel da Adapec no Tocantins?

A Adapec atua na defesa agropecuária animal e vegetal, controlando doenças e pragas, garantindo a qualidade dos produtos e promovendo o desenvolvimento sustentável do agronegócio no estado.

2. Como a Adapec contribui para o crescimento econômico do Tocantins?

A agência promove a segurança sanitária dos rebanhos e das lavouras, o que permite que o estado seja competitivo na produção e comercialização de seus produtos, resultando em um impacto positivo na economia local.

3. Quais os principais investimentos e avanços feitos pela Adapec nos últimos anos?

A Adapec tem investido em tecnologia, qualificação de servidores, reforma de unidades de atendimento, aquisição de equipamentos e frota de veículos, além de estar habilitada para vender carne para mais de 130 países, entre outros avanços.

4. Como a Adapec atua na defesa agropecuária animal e vegetal?

A agência fortalece o sistema com programas sanitários eficazes no controle e prevenção de doenças em bovinos, equinos, ovinos, caprinos, suínos, peixes e aves. Além disso, atua no controle de pragas nas lavouras de soja e na certificação fitossanitária nos polos de fruticultura, entre outras ações.

Patrocinadores

No último domingo, 10 de dezembro, a Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) comemorou 25 anos de sua criação, destacando uma trajetória repleta de progressos e realizações na defesa agropecuária animal e vegetal. A atuação da Adapec tem sido crucial para o crescimento econômico, desenvolvimento sustentável do agronegócio e aprimoramento da qualidade de vida dos habitantes do Tocantins. Ao longo desses 25 anos, a agência tornou-se referência no controle de doenças e pragas, tornando o estado competitivo na produção e comercialização de seus produtos.

Com presença em todos os 139 municípios do estado e aproximadamente 1.500 servidores atuando em diversas áreas da defesa animal, vegetal e administrativa, a Adapec recebeu autorização do governador Wanderlei Barbosa para a realização de um concurso público e estuda a viabilidade da construção de uma nova sede administrativa. Além disso, houve investimentos na valorização profissional e melhoria no atendimento aos produtores rurais, com a reforma de 27 unidades de atendimento, graças a um aporte de mais de R$ 3,6 milhões provenientes do Fundo Privado de Defesa Agropecuária (Fundeagro) em 2023.

O trabalho da Adapec abrange mais de 11,2 milhões de bovinos, mais de 1,2 milhão de hectares de soja e 43 agroindústrias cadastradas, responsáveis por uma movimentação financeira anual de R$ 1,3 bilhão. O estado é livre de diversas doenças, como a febre aftosa, e mantém o controle de pragas e outras enfermidades.

Paulo Lima, presidente da Adapec, expressou sua honra ao presidir a agência por 25 anos e reconheceu a importância do órgão para a economia do Tocantins. Ele parabenizou todos os servidores pela dedicação à defesa agropecuária e contribuição para o crescimento econômico do estado.

Patrocinadores

Francisco Ramos, inspetor de defesa agropecuária que está na Adapec desde sua criação, ressaltou que a agropecuária sempre foi forte no Tocantins, justificando assim a necessidade da criação da agência. Ele destacou o salto significativo dado na defesa agropecuária desde a criação da Adapec, enfatizando os investimentos realizados com segurança para garantir a produção de qualidade.

Nos últimos anos, a Adapec tem investido em tecnologia e qualificação de seus servidores para agilizar o atendimento aos produtores rurais e acompanhar a evolução tecnológica no campo. A agência introduziu o Produtor Online, permitindo que os produtores emitam suas próprias Guias de Trânsito Animal e Permissões de Trânsito Vegetal de qualquer lugar. Além disso, investiu na aquisição de equipamentos e frota de veículos para oferecer respostas imediatas às demandas de sanidade e inspeção animal e vegetal.

Márcio Rezende, diretor de defesa, inspeção e sanidade animal, destacou o orgulho da agência em estar habilitada para vender carne para mais de 130 países e ressaltou o papel fundamental das empresas cadastradas na Adapec, que comercializam produtos no Tocantins e no Brasil, recebendo um selo de qualidade atestado pela agência.

Na defesa agropecuária animal, a Adapec fortaleceu o sistema com programas sanitários eficazes no controle e prevenção de doenças em bovinos, equinos, ovinos, caprinos, suínos, peixes e aves. A suspensão da vacinação contra a febre aftosa representa um avanço significativo, exigindo da Adapec um compromisso contínuo na vigilância do rebanho tocantinense.

Patrocinadores

Na defesa agropecuária vegetal, o Tocantins, destacado produtor de grãos, teve a Adapec desempenhando papel vital no controle de pragas nas lavouras de soja, garantindo a segurança na produção e evitando prejuízos aos agricultores. Além da soja, a agência atua na certificação fitossanitária nos polos de fruticultura, fiscaliza o trânsito de vegetais e o comércio, armazenamento e uso de agrotóxicos, contribuindo para a preservação do patrimônio fitossanitário do Tocantins.

Verifique a Fonte Aqui

Patrocinadores

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here